C. J. Rosado

“Há já três dias que corria pela floresta. O frio e a fome começavam já a fazer-se sentir com intensidade. Havia comido raízes e bagas mas com tanta correria o meu estômago parecia colado às costas e começava a sonhar com um bom naco de carne suculenta. “Não fui talhada para estas coisas.” – Pensava”.

Assim inicia a viagem da nossa heroína Caithelin do livro “Caminhada ao Interior do Medo” na sua jornada para se reunir com a família da qual foi separada devido a uma guerra que não compreende. Pelo caminho Caithelin realiza uma viagem ao interior de si mesmo e a jovem ingénua e inexperiente torna-se numa mulher guerreira que acaba por ser uma peça fundamental para pôr fim à guerra que assola o seu reino.