Leandro Lima é engenheiro químico e biológico, tendo trabalhado durante alguns anos na indústria de ingredientes ativos para formulação cosmética. Ao longo desse tempo constatou que, grande parte das formulações cosméticas disponíveis no mercado, continham um conteúdo bastante pobre em propriedades nutricionais devido à sua baixa concentração em ingredientes ativos, resultando, na maioria das vezes, em produtos de fraca ação no tratamento de pele ou cabelo.

Qual a razão desse facto?

Fatores económicos. É bem mais lucrativo vender cremes ou loções com uma percentagem reduzida em ingredientes ativos e perfazer com água, álcool ou outro tipo de constituinte “barato”.
Nesse sentido o consumidor deve estar atento ao grau de pureza de um produto ou optar por produtos bastante ricos em componentes nutricionais que trazem reais benefícios à pele ou ao cabelo, como ácidos gordos essenciais, vitaminas, insaponificáveis ou caratonóides.
Outro aspeto importante a ter em conta na seleção de um produto de beleza é a sua origem. Na grande generalidade, o mercado da cosmética fornece produtos formulados com adição de substâncias químicas sintéticas que, na atualidade, são alvo de vários estudos ou artigos científicos, inclusive, que sugerem que parte desses compostos químicos presentes nos cremes ou loções, são prejudiciais à saúde, e que podem inclusivamente serem percursores de doenças cancerígenas. Ou seja, existem produtos que em vez de fornecerem benefícios ao corpo podem, pelo contrário, prejudicar a nossa saúde e provocar graves doenças.
Nesse sentido, a opção por produtos naturais de elevada pureza, sem adição de substâncias químicas, torna-se a melhor escolha para quem quer ter resultados eficazes e visíveis no tratamento de pele ou cabelo, e não quer a introdução de substâncias nocivas no seu organismo.
Assim nasce a Vegbeauty com o slogan “da natureza para a beleza”, uma marca portuguesa e loja online, que disponibiliza um conjunto de produtos de beleza 100% naturais e vegetais, com elevada pureza e concentração em ingredientes ativos na sua composição, que promovem uma ação eficaz no tratamento da pele e cabelo.
No conceito da marca está bem presente a consciência ecológica. Disponibilizados produtos com baixo impacto ambiental na sua produção e nas matérias-primas utilizadas, sendo que todos os produtos não são testados em animais e promovem a sua proteção (cruelty free).
Ao nível das embalagens a Vegbeauty somente utiliza frascos de vidro que podem ser reutilizados ou reciclados. Não utilizamos plástico, por ser um dos principais responsáveis da poluição a nível global e por alterarem a qualidade dos produtos. Existe a transferência de ftalatos para o produto embalado, que são constituintes químicos do plástico e prejudicais à saúde. De facto, um dos grandes desafios do mercado da cosmética é a eliminação de embalagens de plástico, e a escolha por soluções mais sustentáveis a nível ambiental e que promovam a manutenção das propriedades nutricionais dos produtos embalados.
Com a ajuda fundamental da minha companheira Jaqueline Soeiro, com experiência em fotografia, edição de imagem e conteúdo, lançamos a loja online e as nossas redes socias no final de Abril 2020, em pleno estado de emergência devido à pandemia do Covid-19.
Neste momento, a Vegbeauty disponibiliza um conjunto de sete óleos puros, 100% naturais e vegetais, para o tratamento de pele e cabelo. Genericamente são caracterizados por promoverem uma hidratação profunda da pele e massagem, prevenção de rugas e estrias. Quando aplicados no cabelo conferem sobretudo suavidade e brilho aos fios de cabelo, e prevenção da caspa e queda do cabelo. Todos estes produtos possuem certificação Cosmos – Ecocert que comprovam a sua qualidade natural, biológica e ecológica.
Brevemente, terão sabonetes naturais e vegetais e pretendem a médio prazo ter novos produtos disponíveis, sempre com a garantia de fornecer o melhor para o cliente em termos de qualidade. A Vegbeauty reúne um conjunto de soluções para o tratamento de beleza que conjugam o que a natureza tem de melhor.